AAFIT homenageia ex-presidente Lirando de Azevedo Jacundá

Durante o evento em comemoração aos 55 anos da Associação dos Auditores Tributários do Distrito Federal (AAFIT) e ao mês dos pais, realizado no último dia 18, na sede da associação, em Brasília, o associado Lirando de Azevedo Jacundá, presidente da AAFIT por cinco mandatos, foi homenageado pelo espírito visionário, pela defesa incondicional do Fisco brasileiro e por ser idealizador e realizador da construção da sede da entidade. Lirando teve o nome eternizado na segunda casa dos auditores do DF, que passou a se chamar Sede Administrativa e Social Lirando de Azevedo Jacundá. Marcaram presença à cerimônia o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, além de diversas autoridades locais, estaduais, nacionais e internacionais. Ao todo, cerca de 500 pessoas participaram do evento.

Em um discurso emocionado, o presidente da AAFIT, Antônio Luiz Barbosa, destacou a ousadia de Lirando à frente da AAFIT. “Só os grandes homens são ousados. Só você, com a sua ousadia, conseguiria construir este prédio em apenas dois anos e, ainda, deixar em caixa recursos para o próximo presidente comprar os móveis e utensílios necessários para o nosso funcionamento”. De acordo com Barbosa, a homenagem é justa. “Por isso, essa mudança no nome é uma justíssima homenagem, em vida, ao Lirando, que é sem dúvida o maior representante do Fisco distrital e um dos maiores em nível nacional.”

Além de fazer um balanço da sua carreira no Fisco, Lirando agradeceu a familiares, amigos e a todos que participaram da construção da sede. O ex-presidente da AAFIT ainda enfatizou o quanto a homenagem o marcou. “Já recebi diversas homenagens aqui e por esse Brasil afora, todas com o seu devido valor e estimado significado, mas essa que eterniza o meu nome no edifício sede da AAFIT é o prêmio ao esforço bem conduzido, é a trajetória pela qual se atinge o objetivo que não se almeja, mas é reconhecido. É o mérito que na firmeza de um obelisco se ergue para assinalar o término feliz de uma alvissareira jornada”, avaliou.

O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, disse que se sentiu honrado e prestigiado por participar do evento “porque aqui estamos homenageando um servidor público de carreira, uma pessoa que ao longo da sua trajetória colocou os interesses coletivos acima dos individuais”. Rollemberg aproveitou para fazer um anúncio: “graças ao trabalho desses servidores (auditores tributários do DF), nós podemos estar nesse momento cumprindo o compromisso, assumido neste mesmo local há quatro anos, de que faríamos o concurso público para contratação de auditores da Receita. Já estamos em processo para fazer a contratação de até 120 servidores, que é o número de vagas e cadastro reserva”.

O secretário de Fazenda do DF, Wilson José de Paula, ressaltou a força e a representatividade de Lirando no Fisco nacional. “Somos todos gratos por ser sempre tão resiliente, coerente e capaz de unir as pessoas em prol de um objetivo maior, que é melhorar cada vez mais a vida das pessoas por meio de um Fisco robusto, qualificado e preparado”.

O presidente da Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais (Febrafite), Juracy Soares, enfatizou a presença das diversas autoridades para prestigiar o ex-presidente da AAFIT. “Há aqui representantes de importantes mecanismos locais, nacionais e internacionais, que vieram participar desse momento muito especial. Estou honrado em representar mais de 30 mil auditores fiscais nessa homenagem a sua pessoa”. Lirando ainda foi agraciado pela Febrafite com um busto, que foi fixado na entrada principal da associação. “Esta é uma singela homenagem da Febrafite a um dos nossos presidentes”, ressaltou Juracy.

O ex-presidente da Febrafite Roberto Kupski destacou o lado humano de Lirando. “Percorri esse Brasil incontáveis vezes, mas encontrar uma pessoa com esse caráter humano e essa preocupação com o próximo é muito difícil. Por isso, esse é um momento muito especial para toda a nossa categoria. Ver o meu amigo, meu irmão e esse líder ser homenageado com o nome da sede da AAFIT é muito marcante”, pontuou.

O presidente do Sindicato dos Auditores da Receita do Distrito Federal (Sindfisco-DF), Rubens Roriz, afirmou que a homenagem “é uma questão de honra a uma pessoa que dedicou toda a sua vida ao setor público e ao Fisco”. Rubens também comentou sobre o concurso público: “está praticamente já na fase de edital, mas precisamos que em 2019 os aprovados sejam empossados. Vamos aumentar a arrecadação, mas é preciso também que se invista no auditor”.

Estiveram presentes também a deputada distrital Celina Leão, o coordenador geral do Encontro de Coordenadores e Administradores Tributários (Encat), Eudaldo Almeida de Jesus, o representante do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), José Tostes, o conselheiro do Tribunal de Contas do DF, Manoel Paulo de Andrade, o secretário executivo do Centro Interamericano de Administrações Tributárias (CIAT), Márcio Ferreira Verdi, a conselheira de Finanças da Embaixada da Espanha, Antoinette Musileck, o presidente da Credsef/DF, Manoel Raimunto Nunes, o conselheiro fiscal do Cruzeiro Esporte Clube, Geraldo Luiz Brinati, o secretário executivo do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), Bruno Negris, entre outras autoridades. O eventou contou ainda com uma celebração ecumênica, almoço com música ao vivo e sorteio de brindes.

 

 

 

 

 

 

Parceiros